Notícias

03.05.2019
Brasil

Na Nova Zelândia, Zootecnista brasileira é referência em ovinocultura

Vontade de transformar um “potencial adormecido”. Foi isso que levou a zootecnista Dayanne Almeida, no interior do Paraná, a entrar no ramo da ovinocultura (especialização responsável pelo estudo de ovelhas). Hoje, após 12 anos de trabalho, ela está se consagrando como um dos principais nomes do setor no Brasil e no exterior.

Atualmente, Dayanne trabalha como zootecnista na Nova Zelândia, atendendo também produtores de cordeiros do Brasil. Ela se intitula “Sheepnutter”, que, em tradução livre, significa “louca por ovelhas”. E essa “loucura” ajudou para que ela desenvolvesse um projeto paralelo, o Canal Sheppnutter, criado há dois anos. Através das redes sociais, Dayanne publica vídeos e outros materiais de apoio que mostram um pouco do seu cotidiano, além de trazer informações sobre o mundo da ovinocultura. Só no Facebook, Dayanne atingiu a marca de 12 mil seguidores e um alcance de mais de dois milhões de pessoas com as suas publicações.

Recentemente, o trabalho da zootecnista ganhou ainda mais destaque, em uma reportagem especial televisionada pelo programa Country Calendar, do canal TVNZ, um dos mais assistidos no país.