Notícias

18.10.2018
Brasil

Estação das flores: gerando 200 mil empregos, produção de flores cresce no Brasil

Com mais de 300 espécies diferentes cultivadas em todo o país, a produção de flores no Brasil gera cerca de 200 mil empregos, seja no cultivo ou na produção de bens associados à cultura das flores como vasos, acessórios para plantio e adubo.

Em Holambra, cidade do interior de São Paulo que responde por 45% do mercado de flores do Brasil, aconteceu no último mês a Expoflora – maior exposição de flores da América Latina. A exposição, que recebe por volta de 300 mil visitantes, serve como um termômetro para o produtor, sendo possível medir qual flor tem boa saída, podendo dessa forma intensificar a produção ou diminuí-la.

De acordo com o diretor da Ibraflor, Renato Opitz, o crescimento do setor se deve a dois fatores principais: a variedade de flores que foram trazidas do exterior e multiplicadas no Brasil com diferentes formatos e cores, além de mais produtivas. E o aumento das flores em supermercados de redes médias e pequenas, com preços baixos para o consumidor final.

As vendas ao consumidor final devem chegar a cerca de R$ 8 bilhões, segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor), publicado pela Agencia Brasil.