Notícias

05.06.2020
Meio Ambiente

Dia Mundial do Meio Ambiente: confira 3 dicas de como contribuir com a causa

Criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), o dia mundial do meio ambiente tem por proposta chamar a atenção de toda a população, ao redor do planeta, sobre a necessidade de discutir medidas emergenciais de preservação dos diferentes tipos de ecossistemas.

É essencial cobrarmos de grandes empresas que se posicionem com ações efetivas de sustentabilidade em suas cadeias de produção e consumo, além de exigir de nossos governantes, políticas públicas que favoreçam e incentivem a proteção dos ecossistemas e toda sua biodiversidade.

Uma comunidade unida é também um importante agente na preservação do meio ambiente. No Brasil, o Projeto Ecossistema na Baía de Ilha Grande (RJ) é um dos muitos exemplos. O projeto empoderou a comunidade local e impulsionou o uso de tecnologias, incentivando o conhecimento e garantindo a proteção da água. Como resultado, a região alcançou o equilíbrio entre o crescimento industrial e econômico ao mesmo tempo em que conseguiu preservar seus recursos naturais.

Um cidadão comum também é capaz de contribuir com a causa. Confira algumas dicas que podem ajudar na preservação do meio ambiente:

I – Lixo: alguns artigos apontam que cada indivíduo produz, em média, 1,2 kg de resíduos por dia. Isso significa 15 toneladas de lixo diário só na cidade de São Paulo. E deste número, apenas 2% é reciclado. O descarte correto do seu lixo evita a poluição atmosférica e desastres naturais. Se o seu bairro não possui coleta seletiva, procure locais coorporativos de reciclagem (como é o caso da nossa parceira reciclázaro).

II – Água: no Brasil, o consumo de água por pessoa pode chegar a até 200 litros por dia (quase o dobro do recomendado pela Organização Mundial da Saúde). Procure consumir este recurso natural e tão essencial em nossas vidas de forma consciente. Economize no banho e troque a mangueira pelo balde ao lavar o carro, calçada, quintal e demais coisas ou locais.

III – Energia Elétrica: presente na maioria das atividades do nosso cotidiano, a produção de energia elétrica no Brasil ganhou alternativas menos agressivas ao ambiente, como é o caso da energia solar, eólica e geotérmica. Entretanto, é importante que também usemos este recurso de forma consciente. Apague as luzes ao sair dos ambientes e procure não deixar aparelhos eletrônicos ligados na tomada quando eles não estiverem em uso. Procure também por eletrodomésticos e eletroeletrônicos que possuem selos de eficiência energética.

Agora que você aprendeu um pouco sobre como pequenas ações podem contribuir para a preservação dos bens naturais e da vida na Terra, que tal repassar esse conhecimento e colocá-lo em prática na sua rotina? Juntos podemos mudar o mundo.