As Notícias do Brasil
Publicado em 29/08/2014, às 17:35
Fonte:

Brasileiro é exemplo para o mundo

 

Ética e honestidade nascem na base da formação do ser humano. Uma boa educação e formação familiar fazem com que surjam exemplos como o de Guilherme, pois apenas quando esses valores são intrínsecos, é que um jovem age dessa maneira, já que não estamos falando de um adulto com todo o seu caráter formado.

Na última quinta-feira (21/8) foi publicado no Blog do Juca Kfouri um texto intitulado “Um menino de caráter”. O que chama a atenção para a notícia, muito mais do que a modalidade esportiva citada – esgrima –pouco popular no ‘país do futebol’, é a demonstração de honestidade dada por um jovem atleta brasileiro.

Guilherme Murray, 12 anos, estava representando o Brasil no Campeonato Panamericano de Esgrima, em Aruba, no Caribe. Em sua última luta, pelas oitavas de final, ele teria saído vencedor, não fosse sua própria lealdade.

O árbitro errou a seu favor, dando-lhe a vitória. Mas ele sacrificou o triunfo ao informar ao juiz que não havia tocado no adversário, e por isso não merecia a pontuação.

Guilherme é o atual campeão brasileiro e sul-americano, e disputava o Panamericano fora de sua categoria, com competidores dois anos mais velhos.

E mesmo assim ele agiu de forma distinta do que estamos acostumados a ver diariamente no noticiário. Guilherme não foi como um atacante que finge sofrer uma falta, como um político corrupto que finge se preocupar com a sociedade, como um banco que empurra taxas abusivas aos clientes, como uma pessoa qualquer que estaciona o carro em vagas reservadas para deficientes...

Num país onde muitos – infelizmente – têm valores invertidos, a atitude do Guilherme nos inspira. Uma grande demonstração de respeito, ética, justiça e cidadania.

Precisamos de mais ‘Guilhermes’ para fortalecer nossa esperança por um futuro melhor. E esperamos que a honestidade deste pequeno grande cidadão sirva de inspiração (com ênfase na ‘ação’) para nós, seus compatriotas, em nossas atividades sociais, sejam elas esportivas ou não.