Notícias

07.01.2019
Natureza

Brasileiro assume cargo de Diretor Científico do maior jardim botânico do mundo, em Londres.

O novo diretor de ciência do Royal Kew Gardens, maior jardim botânico do mundo, é o especialista brasileiro Alexandre Antonelli, professor nascido em Campinas e que comanda o maior centro de pesquisas ativas da Suécia, do qual é fundador.

A nova missão de Alexandre Antonelli é montar um plano estratégico que seja capaz de aproximar a instituição e sua gigantesca coleção de plantas e fungos, da comunidade científica e do cidadão comum.

Com uma coleção de 7 milhões de plantas e mais de um milhão de fungos, a Royal Kew Gardens também possui mais de 40 mil espécies cultivadas nos jardins que ficam aberto para a visitação do público em Londres. É o maior jardim botânico tanto em termos de suas coleções, acumulados durante seus 260 anos de história, quanto pelo número de pesquisadores – que atualmente, gira em torno de 300. Por isso, é a instituição botânica mais importante no contexto da pesquisa internacional nos dias atuais.

Fora do Brasil desde 1997, Alexandre Antonelli deseja intensificar as parcerias com nosso país, aproveitando a intensa política de intercâmbio de pesquisadores e estudantes que a Kew possui. Com a maior biodiversidade do planeta, o Brasil é considerado uma prioridade para a instituição.