As Notícias do Brasil
Publicado em 27/08/2014, às 17:35
Fonte:

Brasil é o país mais violento do mundo para professores

 

De acordo com uma pesquisa da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) o Brasil é o país onde há mais violência contra professores em todo o mundo. A enquete global foi feita com mais de 100 mil professores e diretores de escola do segundo ciclo do ensino fundamental e do ensino médio (alunos de 11 a 16 anos).

No estudo da OCDE, 12,5% dos professores brasileiros entrevistados disseram serem vítimas de agressões verbais ou de intimidações de alunos pelo menos uma vez por semana. Trata-se o índice mais alto entre os 34 países pesquisados. Depois do Brasil, vem a Estônia, com 11%, e a Austrália com 9,7%.Na Coreia do Sul, na Malásia e na Romênia, o índice é zero.

O estudo também revelou que somente 12,6% dos professores brasileiros sentem que a profissão é valorizada pela sociedade, enquanto a média mundial é de 31%. O Brasil está entre os dez últimos da lista nesse quesito.

Já na Malásia, 83,8% dos professores acham que a profissão é valorizada. Na sequência vêm Cingapura, com 67,6% e a Coréia do Sul, com 66,5%.
Segundo a OCDE, os professores são felizes com a profissão, mas 'não se sentem apoiados e reconhecidos pela instituição escolar e se veem desconsiderados pela sociedade em geral'.

Outro indicador considerado importante pela OCDE, o percentual de jovens entre 15 e 19 anos que estudam, é de 77% no Brasil. A média da OCDE é de 84%.