Notícias

16.08.2019
Brasil

Brasil é o maior produtor e exportador de café solúvel do mundo

De acordo com os dados divulgados pela ABICS (Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel), o Brasil produziu quase o dobro de café solúvel do segundo colocado, no caso o México. Os dados foram apresentados durante o evento na sede da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo).

No primeiro semestre, segundo a entidade, os principais destinos do café solúvel produzido no Brasil foram Estados Unidos, Rússia, Indonésia, Japão e Argentina, repetindo a lista dos maiores compradores de 2018 e 2017. “O Brasil tem 13% de share [participação] na produção mundial de café solúvel e 14% de share na exportação mundial”, aponta o diretor de relações institucionais da ABICS, Aguinaldo Lima.

Ainda segundo Lima, o café solúvel é o 12º produto que mais movimenta recursos no agronegócio. “Nosso café solúvel está na liderança há mais de 50 anos. Temos mais de 25 certificações de controle de processos, qualidade, segurança alimentar, sustentabilidade, de categorias específicas, entre outros. São chancelas fundamentais para a conquista dessa liderança.

No país, a produção do café solúvel está concentrada em seis grandes grupos – Nestlé, Café Iguaçu, Cacique, Campinho, Real Café e Cocam. Juntos, eles representam 99,5% do setor, de acordo com o presidente da ABICS, Pedro Guimarães. A expectativa é que o mercado cresça 5% em volume e 2% em faturamento neste ano.