Notícias

24.07.2019
Cultura

Bandeiras pelo Brasil #12

Adotada pela Aliança Liberal (esquema político que surgiu para fazer frente à política Café com Leite) a bandeira da Paraíba surgiu em 25 de setembro de 1930, substituindo a antiga que vigorou até 1922.

Com duas faixas na vertical, sendo a preta relativamente menor do que a vermelha, a bandeira traz o simbolismo do luto da Paraíba pela morte do então governador e candidato à vice-presidência do Brasil, João Pessoa (sendo este o nome da capital do estado, como forma de homenagem também); e a cor vermelha que representava o movimento político chamado de Aliança Liberal. Além da palavra NEGO ao centro da bandeira, sendo esta a conjugação do verbo negar na primeira pessoa do singular do presente do indicativo.

A palavra NEGO registra um fato ocorrido na década de 30, durante a Política do Café com Leite. Representantes de Minas Gerais e São Paulo revezavam na presidência do país, até São Paulo quebrar o acordo e indicar outro candidato paulista, Júlio Prestes, à presidência. Ao saber disso, João Pessoa negou seu apoio à candidatura de Prestes.  O ato foi formalizado através de um telegrama enviado ao governo federal.  O governador da Paraíba passou então a apoiar a candidatura do gaúcho Getúlio Vargas, de quem era candidato à vice-presidência.