Notícias

10.09.2018
Sustentabilidade

Aplicativo brasileiro que conecta ofertas e demandas de reciclagem, é premiado pela UNESCO

De maneira muito eficaz, o aplicativo Cataki, desenvolvido pelo ativista brasileiro Mundano, conecta ofertas e demandas de produtos recicláveis. A ferramenta, que não possui fins lucrativos, auxilia pessoas e empresas que precisam fazer o descarte de materiais recicláveis – tais como móveis velhos, eletrônicos antigos, papeis e etc. – a encontrar catadores independentes disponíveis para transportar esses materiais, dando um descarte adequado para o lixo.

O aplicativo, que concorreu com mais de 2.000 projetos de diversos lugares do mundo, conquistou o prêmio de Inovação no Fórum Netexplo. O Netexplo é um observatório que estuda os impactos das tecnologias digitais na sociedade em parceria com a UNESCO.

Ao todo, já são mais de 300 catadores registrados em mais de 30 cidades brasileiras. O aplicativo é uma forma alternativa de aumentar a renda dos catadores e otimizar o tempo gasto na busca pelos materiais. De acordo com pesquisa realizada pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), quase 90% do lixo que é reciclado no Brasil deve-se ao trabalho desses catadores de recicláveis.